terça-feira, 24 de maio de 2011

A título de curiiosidade - ainda sou a garotinha

"Até cortar os próprios defeitos pode ser perigoso. Nunca se sabe qual é o defeito que sustenta nosso edifício inteiro."Clarice Lispector
Que saudades de todas as meninas e mulheres que sempre estão por aqui, gente estou viva e mais do que nunca me sinto viva.
Tenho estudado muito, feito trabalhos extensos, porém, não me curei, estou fardada a viver com esse peso em minha vida...
Essa é a fase mais menino da minha vida  é isso mesmo vocês não leram errado é menino, calças largas, all star velho, camisetão e blusão, não tenho me arrumado, nem tenho animo, nem tenho tempo pra me arrumar, ainda vou conseguir ter tempo, tenho fé que ainda virei aqui pra falar que estou sossegada. Não quero sumir e não vou, gente meus toc's estão cada vez piores...Tenho exigido tanto e mim que chega doer, não quero parecer a depressiva mas a vida me obriga a ser assim...
Vou começar uma dieta, um LF não faz mal a ninguém, pelo contrario educa, tenho comido muito quando chego da faculdade e preciso acabar com esse habito ou ele acaba comigo!!!
Ainda sou aquela menininha insegura talvez mais hoje do que  antigamente, ainda tenho medos, hoje não choro, engulo a seco, porém cada sapo que tenho recebido fica com a perninha de fora pois a primeira oportunidade jogarei ele de volta a pessoa que me lançou, não sou cruel apenas aprendi a ser mais justa.
Alguns me acham má pois sempre que tenho oportunidade, jogo de volta o que me foi lançado, porque sera tanto espanto, pois antes eu era passiva e agora devolvo ofensas triplicadas, ou porque agora aprendi a ter mais da maldita malícia que existe no mundo. Não odeio todo mundo somente boa parte das pessoas hostis que tenho conhecido.